Líder Coach: Coaching com Liderança

Por o 7 Abril 2017

Cabe ao líder ser o exemplo mostrando às equipas que a prática constante leva à transformação. Considerando a importância do líder na condução de uma equipa de alto desempenho e a necessidade de aprendizagem contínua, como é que o Coaching pode contribuir para o desenvolvimento de um novo estilo de liderança?

A era do conhecimento, marcada pela globalização, pela Internet, pelas inovações tecnológicas, pela quantidade de informações e a velocidade a que temos acesso a elas, pela elevada competitividade e pela complexidade das relações interpessoais, impõe inúmeros desafios às pessoas e às organizações. Neste novo cenário, o líder é aquele que abre mão do individual em benefício do coletivo, se compromete com o desenvolvimento das pessoas, que promove o entendimento mútuo e que escuta com curiosidade, sem julgar ou punir.

 

Coaching com Liderança

 

Liderar no século XXI – um novo paradigma

Liderar no século XXI leva-nos para um outro paradigma, o de olhar para o ser humano nas dimensões: corpo, mente, coração e espírito. Este é um desafio que exige do líder autoconhecimento, disciplina e desenvolvimento contínuo, e cujo resultado faz a diferença na relação com a sua equipa. Cabe ao líder ser o exemplo mostrando às equipas que a prática constante leva à transformação. Assim, considerando a competitividade do mercado, a importância do líder na condução de uma equipa de alto desempenho e a necessidade de aprendizagem contínua, como é que o Coaching pode contribuir para o desenvolvimento de um novo estilo de liderança?

 

A prática de coaching na Liderança

O Líder com competências de coaching é aquele que orienta a sua equipa, com o objetivo de otimizar o desempenho e o desenvolvimento de habilidades e competências individuais e coletivas, na procura constante de melhores resultados.

Entretanto, não basta decidir ser um Líder Coach para começar a agir como tal. É necessário fazer um trabalho de autoconhecimento e criar junto da equipa, um espaço seguro e um clima de respeito e confiança.

É importante que o líder compreenda o seu papel no contexto da organização e o impacto que tem na sua equipa, uma vez que a verdadeira liderança é aquela que se conquista, independentemente das nomeações ou atribuições institucionais.

O foco do coaching não se limita a atingir resultados, está voltado também para o desenvolvimento da equipa como um todo, para o seu aperfeiçoamento e realização.

 

Podemos estabelecer como ações de coaching:

  • A criação de um clima que melhore o desempenho e os resultados.
  • Ajudar a equipa a dar o melhor de si.
  • Orientar a equipa a tomar as decisões mais certas.
  • Encorajar a melhoria do desempenho.
  • Levar a equipa a responsabilizar-se pelos desafios e objetivos estabelecidos para si mesma.

O líder tanto mais conseguirá contribuir com um ambiente favorável ao desenvolvimento da sua equipa quanto mais tiver uma boa capacidade de comunicação, criando empatia e percebendo que cada elemento possui necessidades e formas diferentes de interação.

Tal fato constitui-se como um elemento central para o desenvolvimento da competência emocional da equipa. Estabelecer um efetivo trabalho como coach, bem como ajudar a equipa a discernir medos, anseios e vulnerabilidades caracteriza o líder com uma admirável habilidade para escolher o momento oportuno de perguntar e escutar.

 

O que caracteriza um bom Líder Coach?

  • Não é apenas o facto de fazer perguntas que caracteriza um Líder Coach. A forma como faz a pergunta é fundamental para obter da sua equipa um novo olhar sobre o assunto. Deve identificar o nível de realidade que está a prender a equipa a uma crença e através de perguntas, fazê-lo entender o problema sob uma nova ótica, permitindo visualizar diferentes soluções onde antes parecia não haver muitas alternativas.
  • O Líder Coach precisa ter tranquilidade para não “atropelar” o amadurecimento da sua equipa. Precisa dar tempo, para que as pessoas conquistem os seus resultados e cresçam emocionalmente. As conquistas terão assim mais valor e ficarão marcadas na memória da equipa.
  • É fundamental que o Líder Coach entenda o “tempo certo” de cada elemento da equipa. O processo de dar e receber feedback é um componente importante da aprendizagem no coaching.

 

Será que o líder está preparado para isso?

Se o líder, como coach, tem como objetivo fazer com que a equipa amplie o conhecimento acerca de si próprio, será que ele já trabalhou esse processo em si? O líder está preparado para escutar? Consegue evitar distrações? Consegue ouvir e escutar a mensagem por completo? Sabe observar as mensagens verbais e não-verbais da equipa? Mostra-se interessado e atento? É recetivo?

Ao responder às questões acima, o líder executa um verdadeiro trabalho de autoconsciência acerca da sua preparação para lidar com o processo de coaching. Para que o papel desempenhado pelo líder no processo de coaching alcance os resultados desejados ele deve, antes de mais, conhecer-se a si próprio, o que significa separar quem ele é e quem ele deseja ser, do que o mundo pensa que ele é e quer que ele seja.

 

Adotar as práticas de Coaching como filosofia de liderança…

Informações e ferramentas estão disponíveis para todos, mas o que pode ser um fator competitivo é a capacidade de cada organização utilizar os recursos disponíveis a seu favor. Ao investir nos seus colaboradores, as organizações contribuem não só para o seu crescimento, mas também estimulam que todos tenham um objetivo comum: concretizar as metas e atingir resultados positivos e extraordinários.

Para que se construa um ambiente saudável que favoreça todos, é igualmente importante que as organizações alterem o seu paradigma e inovem no sentido de abandonar a mentalidade das coisas e priorizar as pessoas. A partir desta nova disposição mental, os pressupostos do Coaching podem contribuir significativamente para transformar o líder numa figura estratégica no mundo corporativo.

Introduzir competências e ferramentas de Coaching na rotina diária de trabalho transformará o Líder num Líder Coach e, com a ampliação da sua visão do mundo, ele será capaz de levar a sua equipa a gerar resultados diferenciados, sobreviver no mercado competitivo e permanecer no topo.

Concluindo, adotar o Coaching como filosofia de liderança permite olhar para as relações de trabalho de outra forma, uma vez que é a partir do conhecimento e das experiências compartilhados por colaboradores, líderes e empresários que a possibilidade de crescimento e inovação acontece.

 


Conheça a nossa formação exclusiva “Systemic Team Coaching Programme“, com o reputado Peter Hawkins, que acontece já em maio deste ano. Saiba tudo no nosso site.

Para saber mais sobre este tema, recomendamos a formação CEGOC Programa de formação de Coaches profissionais - Nível Inicial

/5 - Voir tous les avis

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Avatar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Avatar

Josenino Vieira Desde 3 anos

Estou a fazer uma formação de coaching e estou interessado em receber os vossos artigos

Resposta

Subscreva o Blog

For security reasons, JavaScript and Cookies must be enable in your browser to subscribe