Systemic Team Coaching

Por o 10 Março 2017

Artigo exclusivo do Professor Peter Hawkins sobre o Coaching Sistémico de Equipas. Saiba o que torna esta abordagem tão valiosa para as empresas.

 

Durante muitos anos, o desenvolvimento e construção de equipas foi um tema de estudo e interesse no campo do desenvolvimento organizacional. O coaching de equipas encontra-se ainda numa fase de desenvolvimento inicial, em termos de maturidade. Esta fase é caracterizada por: falta de definições claras; alguma confusão sobre os diferentes tipos de coaching de equipas e os benefícios de cada um; falta de padrões definidos para coaches de equipas ou formação em coaching de equipas.

 

Distinções: coaching de grupo, coaching individual de membros da mesma equipa e coaching de equipa

Ainda existe alguma confusão entre coaching de grupo (coaching de indivíduos que estão inseridos em grupo), coaching individual de membros da mesma equipa e coaching de equipa, onde o foco está na equipa como uma entidade coletiva e a intervenção abrange um período de tempo. É recorrente ouvirmos o termo “coaching de equipas” aplicado a cada uma destas abordagens.

Nos últimos seis anos, Peter Hawkins, John Leary-Joyce e Hilary Lines têm trabalhado coletivamente no desenvolvimento de uma maior clareza destas definições, práticas, métodos e formação em coaching de equipas, nomeadamente através de várias publicações acerca destas temáticas (Hawkins 2011 e 2014, Hawkins 2014B, Hawkins e Leary-Joyce 2014, Lines e Scholes-Rhodes 2013). Os autores têm desenvolvido programas de certificação de curta duração e programas de um ano com atribuição de diploma, executados no Reino Unido e em muitos outros países, um pouco por todo o mundo, incluindo EUA, Quénia, Turquia, África do Sul, China, Austrália, Hungria. Em breve haverá também um programa de curta duração em Portugal, na Cegoc – Systemic Team Coaching Programme.
 
Systemic-Team-Coaching
 

Systemic Team Coaching” – Coaching Sistémico de Equipas

Os autores consideram que o Coaching Sistémico de Equipas é bastante necessário nas organizações de hoje, mas existe uma grande escassez de profissionais experientes neste domínio.  O “Systemic Team Coaching” define-se como:

“A process by which a team coach works with a whole team, both when they are together and when they are apart, in order to help them improve both their collective performance and how they work together, and also how they develop their collective leadership to more effectively engage with all their key stakeholder groups to jointly transform the wider business.”

 (Hawkins 2014:80)

 

Atualmente, o que torna o Coaching Sistémico de Equipas tão valioso para as empresas é que este programa de formação permite que as equipas se reorganizem e melhorem a forma como se relacionam, melhorando consequentemente o negócio. Assim, ao invés de se concentrar apenas nas relações internas e no funcionamento das equipas, o coach sistémico de equipas trabalha com as equipas e com os seus membros para construir uma liderança coletiva, ajudando-os a criar valor no seu envolvimento com os stakeholders.  Esta abordagem reconhece que os maiores desafios da atualidade em quase todas as organizações não estão nos indivíduos, equipas ou mesmo nos departamentos, mas nas relações entre eles.  Funcionar bem como equipa, quando a equipa está unida é o primeiro passo para cada membro ser capaz de representar toda a equipa de forma eficaz quando contactam com outros intervenientes (stakeholders da equipa).

 

O Modelo das 5 Disciplinas de Hawkins

A partir de uma vasta pesquisa sobre desempenho de equipas e das melhores práticas de coaching, Peter Hawkins desenvolveu o Modelo das Cinco Disciplinas de Coaching de Equipas. Este modelo propõe que, para as equipas serem eficazes precisam de dominar as cinco disciplinas e, através do coaching sistémico de equipas o coach deverá ser capaz de realizar coaching à sua equipa, em cada uma das disciplinas e na relação entre elas.  Mas sobre este Modelo, falaremos com maior detalhe no próximo artigo.

 

Systemic Team Coaching Programme

Peter Hawkins esteve em Portugal, em maio de 2017, para realizar o Systemic Team Coaching Programme, uma formação com a duração de 3 dias.

Os três dias de formação conferem um certificado em Coaching Sistémico de Equipas e a possibilidade de se habilitarem ao Diploma Internacional em Coaching Sistémico de Equipas. Este programa certificado capacita os seus participantes a usarem o modelo das cinco disciplinas de Coaching Sistémico de Equipas que tem sido adotado em mais de 30 países e em diversos continentes. Após a sua participação, os participantes terão adquirido um domínio superior sobre cada uma das cinco disciplinas e como fazer coaching a uma equipa em cada uma das diferentes disciplinas.


Artigo: Professor Peter Hawkins (Renewal Associates), John Leary-Joyce (AoEC), Hilary Lines.
Coaching at Work, Volume 11, Issue 3 (2016) pp 32-35.

Para saber mais sobre este tema, recomendamos a formação CEGOC Systemic Team Coaching Programme - Level 1

/5 - Voir tous les avis

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Avatar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscreva o Blog

For security reasons, JavaScript and Cookies must be enable in your browser to subscribe