Field Coaching (1/2)

Por o 28 Julho 2016

O Coaching é associado desde há muito, com atividades onde existe preocupação com a performance, por exemplo, no desporto, dança, drama, etc.. Para alcançar a performance desejada, o sujeito tem de conhecer quais as ações a tomar, como coordená-las para alcançar o resultado pretendido, ou seja, como alcançar o objetivo ou fim necessário.

É necessário criar uma cultura de Coaching, e para isso torna-se fundamental perceber mais do que “o que é?”, também o “porquê” do Coaching?

 

 

Contexto do Negócio para o Coaching

Nos programas de Vendas, mesmo nas companhias mais importantes, está demonstrado que existem muitos aspetos das acções das Forças de Vendas que podem influenciar a sua performance. Hoje acredita-se na importância crítica do “field coaching” como aspeto fundamental para os resultados que se pretendem obter. Alguns destes temas estão já bastante identificados, mas continuam ainda o seu caminho, por exemplo:

  • Os managers, frequentemente, não têm objetivos ou capacidades para treinar.
  • O Coaching como abordagem válida para melhorar a excelência da venda é frequentemente mal compreendido.
    Os processos de Coaching não estão bem descritos.
  • O Coaching não está alinhado com o ciclo de melhoria contínuo.
  • O Coaching não é valorizado pelas pessoas das vendas.

 

É necessário criar uma cultura de Coaching, e para isso torna-se fundamental perceber mais do que “o que é?”, também o “porquê” do Coaching?

O Coaching é associado desde há muito, com atividades onde existe preocupação com a performance, por exemplo, no desporto, dança, drama, etc. para alcançar a performance desejada, o sujeito tem de conhecer quais as ações a tomar, como coordená-las para alcançar o resultado pretendido, ou seja, como alcançar o objetivo ou fim necessário.

É necessário que o Coaching nos Negócios, que os managers no negócio, entendam e valorizem dar e receber coaching.

O que é o coaching?

Para desenvolver uma cultura de coaching dentro de uma organização, é necessário desenvolver uma definição clara de coaching, para que todos possam entender o que é e o que não é. Hoje em dia, muitas pessoas nas organizações, estão confusas acerca do coaching e do seu valor e, simplesmente, porque não existe uma definição clara de coaching. Habitualmente as pessoas misturam o conceito de coaching com treino, mentoring e outros.

 

Uma definição de Coaching:

Uma abordagem focada na pessoa para aprender e gerar performance, baseada na nossa capacidade humana para nos observarmos a nós mesmos, para questionar o que vemos e escolher se queremos mudar.

Um coach assiste-nos na nossa auto-observação em caminhos que nos permitem expandir os nossos horizontes de possibilidades e aumentar a nossa capacidade para atuar, aprender e desenvolver.

 

Pontos para considerar quando se desenvolvem conceitos e uma cultura de coaching:

  • O Coaching é uma abordagem focada na pessoa para aprender e gerar performance.
  • O Coaching é muitas vezes usado onde existe desagregação ou barreiras para poder atingir um objetivo ou um resultado.
  • O Coaching é uma parceria de aprendizagem entre o coach e o coachee.
  • Nem todas as situações necessitam de coaching. Sejamos claros onde deve ser usado o coaching dentro da organização.
  • Assegurar que todas as pessoas compreendem o papel do coaching como outra ferramenta diferente do treino, mentoring, etc.
  • Comunicar o valor do coaching dentro da organização e ganhar clientes.

 

No próximo texto darei continuidade a este tema. Acompanhe!

 

 

 

 

 

 

 

Para saber mais sobre este tema, recomendamos a formação CEGOC Programa de formação de Coaches profissionais - Nível Inicial

/5 - Voir tous les avis

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Avatar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscreva o Blog

For security reasons, JavaScript and Cookies must be enable in your browser to subscribe